quinta-feira, 4 de março de 2010

Até ...



Existem decisões muito difíceis de tomar. Eu tive que tomar uma.

A alta competição é muito exigente. Vencer implica boas condições de trabalho, de equidade e de serenidade. Basta alguma areia no caminho e o projecto torna-se difícil de levar a avante. Há algum tempo que existem areias no meu percurso. Como nutro um enorme afecto pela Triatlo, decidi suspender por tempo indeterminado o meu projecto no desporto de Alto Rendimento no Triatlo.

Confesso que me custou muito ter de riscar do meu calendário competitivo, os meus objectivos na alta competição do triatlo Mas teve de ser!

Quero agradecer a todas as pessoas que me acompanharam e apoiaram.

No entanto, atendendo a minha apetência pelo desporto de competição, decidi continuar no Ciclismo, modalidade de que também gosto, e da qual tive a oportunidade de integrar as selecções nacionais em 2006, aquando do Campeonato da Europa. Tenho plena consciência das dificuldades que terei de enfrentar, mas actualmente, é a melhor escolha que tenho para continuar com motivação no desporto de competição.


Irei adaptar o meu sítio do triatlo e o meu blog para esse fim.

Aproveito para desejar a todos os triatletas as máximas realizações e superações dos vossos desafios, e sobretudo, que se divirtam a praticar esta bela modalidade de que eu tanto gosto.

Um forte abraço

Breve resumo do meu percurso desportivo no triatlo

Provas Internaconais:

2005
● 4ª Classificada no Campeonato da Europa Individual de Duatlo – HUN
● Prata no Campeonato da Europa por equipas de Duatlo HUN
Bronze no Campeonato da Europa por equipas de Triatlo –GRE
Campeã do Mundo de Triatlo Júnio - Setembro - Gamagori JAP
( primeiro título mundial da modalidade para Portugal )
● 23ª na Taça do Mundo de New Plymouth, Elites – Novembro – NZ

2006
● 6ª Classificada na Taça da Europa de Triatlo- Abril – Estoril POR
● 28ª Classificada na Taça do Mundo Elite de Madrid - Junho - ESP
Campeã da Europa de Triatlo Junior - Junho - Autun FR
● 10ª no Campeonato Mundial de Triatlo Júnior, Setembro - Lausanne - CH
Vice-Campeã Ibero-Americana, Elite - Outubro - ESP

2007 júnior a competir com a elite mundial afim de obter mais uma vaga para Pequim
● 6ª classificada na Taça Pan-Americana de La Paz - Janeiro - AR
Prata na Taça Pan-Americana de Villarica - Janeiro -CHI.
● 52ª Taça do Mundo de Mooloolaba - Março- AUS
● 33ª Taça do Mundo de Ishigaki - Abril - JAP
● 43ª Taça do Mundo de Lisboa - Maio - Maio - POR.
● 36ª Taça do Mundo de Richard’s Bay - Maio - RSA
● 28ª Taça do Mundo de Madrid - Junho - ESP
● 24ª Campeonato da Europa, Copenhague - Junho - DEN
● 28ª Taça do Mundo de Kittzbël - Julho - AUT
● 44ª Campeonato do Mundo, Hamburgo - Setembro - GER
● 50ª Taça do Mundo de Pequim - Setembro -CHIN.
● 36ª Taça do Mundo de Eilat - Dezembro - Irsrael.

2008
● 33ª Taça do Mundo de Mollolaba - Março - AUS
● 36ª Taça do Mundo de, New Plymouth - Abril - NZ
Bronze no Campeonato da Europa de Triatlo, júnior - Maio - POR
Prata no Campeonato da Europa de Triatlo equipas elites - Maio - POR
● 13ª Campeonato do Mundo de Triatlo, júnior, Vancouver - Junho- CAN
● 17ª Campeonato sa Europa de Sub-23, Pulpi - Setembro - ESP
2009
● 15ª Taça da Europa, Quarteira - Abril
● 4ª Taça da Europa, Pontevedra - Maio
● 11ª Campeonato da Europa de Sub-23, Itália - Junho

Provas Nacionais:
2005
● Campeã Nacional de Triatlo Júnior – Outubro - F
● Vice-Campeã Nacional de Triatlo, Elite – Outubro- Estoril

2006
● Campeã Nacional de Triatlo Júnior - Outubro -Fundão.

2008
● Campeã Nacional de Duatlo, júnior, Matosinhos - Março
● Campeã Nacional de triatlo, júnior, Machico - Setembro
● Vice- Campeã Nacional de Triatlo, elites, Estoril - Outubro

2009
● 2ª Taça de Portugal de Triatlo, Ribatejo - Março
● 1ª Taça de Portugal de Triatlo, Oeiras - Junho
● 1ª Campeonato Nacional de Triatlo, 2º etapa, Aveiro - Julho


Reconhecimento de Carreira Desportiva

♦ Sócia de Mérito, Clube de Futebol “osBelenenses”, 2005
♦ Galardão em 2005 e 2006, Confederação do Desporto de Portugal
♦ Melhor júnior com aproveitamento escolar, Prémio Engenharia Militar, 2006
♦ Atleta Promessa do Ano, Associação dos Jornalista de Desporto, CNID, 2006
♦ Prémio Juventude, Comité Olímpico de Portugal , 2006

13 comentários:

Anónimo disse...

Felicidades para a tua escolha.
Paulo Pitarma
http://goncalopitarmablog.blogspot.com/

sica disse...

Anais, é com muita pena que leio esta noticia.
És, sem dúvida a maior "esperança" do Triatlo Feminino Português e apesar da época passada não ter corrido da forma como todos gostávamos, o ano passado apareceste muito forte no inicio da Temporada,com o espirito de que 2009 seria o ano da tua afirmação no panorama internacional da modalidade, infelizmente as coisas não correram bem nos principais objectivos da época.
Como dizes a alta competição exige uma qualidade inata e uma dedicação total, pois só assim se consegue chegar ao topo.
Acredito que tu tens essas qualidades, é com muita tristeza que te vejo partir.
Força nesta nova etapa, mas não te esqueças que nunca é tarde para voltar e tenho a certeza que são muitos os que te querem bem na tua casa que é o Triatlo.

bibicas disse...

apesar da falta que nos fazes,admiro a tua coragem. Há alturas em que é mais facil continuar do que desistir.
Um beijinho

Anónimo disse...

Olá Sica:
Como a Anaìz diz há "areias" no seu caminho.Ela esteve muito bem nas provas do ano passado. Até dá para ver no resumo que ela colocou.
Como explicas tu a ausencia da Anaíz do mundial de triatlo?
Ela tinha grandes objectivos para prova. Ela cumpriu com os critérios de qualificação. Naõ só não a levaram como não a deixaram fazer o estágio em altitude no verão. a federação alegou falta de dinheiro e no entanto foram 14 pessoas para a Austrália. Achas isso normal? E por causa dessas areias que a Anaïs se vai embora. Tenho muita pena. O triatlo fica mais pobre.
Mas tenho esperanças que ela regresse um dia.
Força Anaís!

frncsmota2@gmail.com disse...

Nem acredito!
quando voltas para o triatlo Anais?

João Pedro Glória disse...

Desejos de tantos sucessos na tua "nova vida" como os que estão listados neste teu post.

Muitas felicidades

João Glória

joao rita disse...

Parabens pela frontalidade e coragem em dizer não, quando a areia entra em funcionamento...
E que sejas mais feliz na escolha que fizeste, mas espero que seja por pouco tempo , pois o triatlo ficou mais pobre com a tua "escapadela"
felicidades.

http://alentejano58.blogs.iol.pt/

Miguel Andrade disse...

Anais,

não queria acreditar quando estava a ler este teu post.

A vida é feita de decisões. Só assim se conseguem encontrar os caminhos para se viver uma vida melhor.
E agora é olhar para a frente! Que tenhas muitas vitórias no caminho que escolheste, o ciclismo.

Força aí!

jefhcardoso disse...

Oi! conheci o seu blog através do blog do Gonçalo. Quero lhe parabenizar pelo esporte e lhe convidar a também conhecer o meu http://jefhcardoso.blogspot.com onde falo um pouco de tudo, ou um pouco de nada. Não sei. Sorrio.

João Correia disse...

Olá, Anais.
É triste saber que o panorama Nacional feminino na modalidade vai ficar, (não sabemos por quanto tempo, mas concerteza de forma irreversivel nos tempos imediatos), mais pobre, no seu já paupérrimo potencial. As decisões são sempre pessoais.Porém, espero que no ciclismo possas dar um contributo significativo para a evolução da modalidade, já que também aí andamos há muito tempo necessitados de nomes que apareçam e catalizem novos valores para a modalidade.
Felicidades, Anais.

Anónimo disse...

don't do it

Anónimo disse...

Anais, desejamos-te a maior força e o maior sucesso nesta nova etapa da tua vida. Nunca deixes de acreditar nas tuas capacidades, nas tuas qualidades, na tua força e na tua coragem. Um beijinho.
Joana Guerra e Rudi

José Gonçalves disse...

Em 2005 vieste a Vagos (localidade próxima da minha residência) participar no campeonato nacional Juvenil de corta-mato. Já te conhecia das provas de triatlo. Nesse dia vi que tinhas muita "fibra", quando parecia que era muito difícil tu demonstraste que era possível. Foste campeã nacional! Foi sofrer até final, deu-me muito prazer ver a tua família a festejar.
Penso que é isso que tens feito no triatlo, no entanto nem tudo dependia apenas de ti. Foram anos de equívocos e de "guerrinhas" (coisa típica em Portugal). Infelizmente apenas houve uma prejudicada no meio de tudo isto, tu!
Continua a fazer o que mais gostas e que conquistes as tuas metas.
Espero reencontrar-te num triatlo, nem que seja por puro lazer.
José Gonçalves